Home » Destinos » Descubra 3 motivos para ver Aurora Boreal

Descubra 3 motivos para ver Aurora Boreal

30 nov 2020 Destinos 0 COMENTÁRIOS

Depois de tantas pesquisas, expedições e olhos marejados e cobertos pela emoção de observar as Luzes do Norte, muitas pessoas me perguntam quais os motivos para ver Aurora Boreal. Isso não é uma tarefa fácil. A experiência é tão sensorial que fica difícil colocar em palavras todas as emoções de se observar o fenômeno mais lindo do mundo.

Esse presente da natureza pode causar diversas sensações; tudo depende do que você espera em uma viagem dessa categoria. O que eu posso fazer, então, é mostrar o que me motiva a dedicar a vida a buscar, a cada nova viagem, a Aurora Boreal mais bonita.

Se você ainda não sabe o que esperar, continue a leitura e veja 3 motivos para ver Aurora Boreal que vão fazer você planejar sua próxima viagem comigo, Marco Brotto, o Caçador de Aurora Boreal® 

1. Não é uma experiência passiva

Não é simplesmente ver ou testemunhar – e aqui eu falo exclusivamente das minhas expedições. O que acontece nas minhas viagens é a verdadeira Caçada à Aurora Boreal! ® Minha equipe e eu começamos a pesquisar e organizar meses antes. Por isso, a partir do momento que desembarcamos, começa uma busca incansável pelo fenômeno. A realização de um sonho: esse é um dos principais motivos para ver a Aurora Boreal. 

Quando identificamos o melhor momento e lugar de a Aurora aparecer, nos deslocamos pelas estradas geladas até encontrar a Dama da Noite. É emocionante! Além da beleza das cores dançantes, a sensação é de dever cumprido e de ter feito parte desse momento; de ter lutado para isso. Por isso, eu digo: quando você viaja comigo, não fica simplesmente sentado esperando a Dama do Norte aparecer. Seu papel na minha expedição é fundamental; é o seu sonho. 

2. É o fenômeno mais lindo do mundo

Claro, essa é uma opinião com a qual você pode não concordar, mas eu afirmo: nunca vi nada tão lindo quanto a Aurora Boreal! No momento em que ela surge no céu, com seus tons de verde – às vezes vermelho, rosa, azul, lilás ou roxo -, acontece uma descarga de energia impressionante! Nenhuma foto conseguiria reproduzir em sua totalidade a beleza e a magia da Aurora. Um manto de energia sobre nós. 

Em minhas expedições já testemunhei pessoas soluçando de tanta emoção, pedidos de perdão e até o início de lindas histórias de amor. Se ela inspira tanta gente, é porque tem o poder de encher olhos e corações. Esse, aliás, é meu maior presente: ver no rosto das pessoas a alegria de olhar para o céu e não acreditar que a cena é real.

3. Permite a imersão em diferentes culturas

Para que a gente consiga ir em busca da Aurora Boreal, é preciso ir para o norte do mundo. Isso possibilita conhecer países incríveis e muito diferentes do que estamos acostumados. Eu faço questão de conhecer os principais pontos turísticos e realizar passeios típicos para que haja essa imersão profunda no modo de viver de cada povo. Nossas expedições têm foco principal, a Aurora Boreal, mas o dia é repleto de atividades. 

Quando vamos à Lapônia, por exemplo, conseguimos conhecer um pouco do que é viver nessa charmosa cidade que parece ter sido tirada de um livro infantil. Lá, é possível conhecer um pouco da cultura dos moradores e, de quebra, ver de perto a beleza das renas. É muito legal. Adoro. 

Onde acontece Aurora Boreal?

Antes de tudo, é preciso saber que a Aurora Boreal acontece na região polar norte do planeta. O fenômeno compreende luzes que aparecem pelos céus e que ocorrem pelo contato dos ventos solares com elementos da atmosfera depois de romper o campo magnético da Terra. Em geral, podemos observar a Aurora em diversos países. Mesmo assim, existe um lugar especial conhecido como capital da Aurora Boreal. É a cidade de Tromso, na região da Lapônia, norte da Noruega. Além dela, também temos Reykjavik, na Islândia, e Fairbanks, no Alasca. Levando em consideração vários fatores, as chances são praticamente iguais às de Tromso e cada local tem seu charme e seu encanto. 

Como é Aurora Boreal?

A Aurora Boreal é difícil de ser explicada. Isso porque, ainda que seja um fenômeno colorido, conseguir encontrá-la pessoalmente suscita uma série de emoções. Mesmo assim, vou tentar falar para vocês como ela é. Ela pode surgir em diversos formatos, como pontos luminosos ou grandes faixas no céu que parece ter sido coberto por um lençol mágico. Suas cores podem variar e aparecem em tons de verde, vermelho, laranja, azul e as vezes somente brilho. Podem surgir diversas cores ao mesmo tempo. É incrível! 

Como você pode ver, existem muitas vantagens em ver a Aurora. Além da beleza que nossa capacidade pode entender, a experiência de uma expedição é enriquecedora. Acredite: ninguém volta o mesmo após uma viagem dessas.

Hoje em dia eu vejo muitas agências de viagem oferecendo pacotes para ver a Aurora Boreal sem nenhuma experiência. Claro, como é um fenômeno da natureza, estamos sujeitos a frustrações. O meu diferencial é que estudo Auroras há muitos anos e, até hoje, tive 100% de aproveitamento! 

Além disso, sigo todas as regras locais e conheço os melhores lugares para termos dias e noites incríveis. Ao final de cada viagem, posso dizer que formo sempre mais uma nova família. 

Carinho, cuidado, responsabilidade e amor no que fazemos são parte do nosso tour. 

Agora que você sabe os motivos para ver Aurora Boreal, aproveite e confira as nossas próximas expedições e comece a planejar mais esse momento incrível da sua vida!

Marco Brotto caçador de Aurora Boreal
MARCO BROTTO
Marco Brotto tornou-se conhecido como o caçador brasileiro de Aurora Boreal. Já viu centenas de spots de Aurora Boreal em vários locais do mundo, proporciona experiências incríveis para aqueles que o acompanham e possui um espetacular acervo de fotos de auroras.
POSTS RELACIONADOS
Países com Aurora Boreal: onde acontece o fenômeno
Países com Aurora Boreal: onde acontece o fenômeno
< LEIA MAIS
Veja 5 motivos para você ver Aurora Boreal na Islândia
Veja 5 motivos para você ver Aurora Boreal na Islândia
< LEIA MAIS
Aurora Boreal: viagem dos sonhos tem vários destinos – Parte II
Aurora Boreal: viagem dos sonhos tem vários destinos – Parte II
< LEIA MAIS