Home » Alaska » Aurora Boreal: viagem dos sonhos tem vários destinos – Parte II

Aurora Boreal: viagem dos sonhos tem vários destinos – Parte II

Aurora Boreal Svalbard

Se você leu meu primeiro texto sobre os destinos para ver Aurora Boreal, você precisa conferir a segunda parte. Além de eu adorar falar sobre o fenômeno, eu estudo sobre isso há muitos anos, e tenho um aproveitamento de 100% em minhas expedições ao Hemisfério Norte. 

A Aurora Boreal, para mim, é o fenômeno natural mais bonito que existe. Além disso, ela é misteriosa e é capaz de causar diversas emoções em quem participa das minhas expedições. Eu já vi muitas reações sob as Luzes do Norte; todas encantadoras!

Quer conhecer os outros destinos para ver Aurora Boreal? Confira a segunda parte do meu artigo e aproveite para planejar sua próxima viagem!

1. Finlândia

A Finlândia é um destino muito procurado por quem deseja Caçar Aurora Boreal com a minha equipe. As viagens para a região são planejadas com muito cuidado, prevendo recursos, rotas não convencionais e muitas noites alegres e iluminadas em busca da espetacular Aurora Boreal. Para complementar, existe toda uma questão lúdica presente na Finlândia. Além dos “mil lagos”, por ter territórios que dão forma à Lapônia, o destino também é conhecido como a terra do Papai Noel e a paisagem parece ter sido tirada de um livro. É inacreditável estar lá!

O apelido “Mil Lagos” foi dado porque a região possui cerca de 187 mil lagos. Agora imagine um vilarejo remoto ao redor de um deles! É como andar entre quadros, pois a cada olhar podemos ter a certeza de que estamos fazendo parte de um cenário imaginado. É tão mágico que não parece real.

As regiões de Inari, Saariselkä e Rovaniemi são alguns dos locais por onde passamos para Caçar Aurora Boreal na Finlândia. Para quem gosta de frio, a Finlândia é uma ótima opção, pois a temperatura costuma ser até 5ºC mais baixa que em outros destinos também gelados.

Outra vantagem é que a Finlândia é muito rica culturalmente, proporcionando muitos momentos com os moradores locais. Muitas vezes, podemos nos dar ao luxo e parar um pouco a caçada e conhecer suas casas, passear por suas fazendas e para quem tiver coragem, que tal se arriscar um mergulho em um lago congelado?

2. Groenlândia

A Groenlândia ainda é desconhecida por muitos viajantes. Pode ser difícil acreditar que a maior ilha do mundo guarda tantas histórias e belezas ao mesmo tempo. Dentre os grandes fatos que levam fama à região podemos destacar a natureza imponente e o povo Inuit, chamado popularmente aqui no Sul de “esquimós”. Mas lá, nosso foco principal é, sem dúvida, encontrar a mais intensa Aurora Boreal que pudermos. Disso eu não abro mão!

Além da belíssima Dama do Norte, eu sempre levo meus grupos para conhecer a população local e vivenciar sua cultura tão diferente, pois certamente a lembrança é memorável. Se você pensa em fazer uma viagem apaixonante para caçar Aurora Boreal, fique de olho nas minhas próximas expedições

3. Ilhas Faroé

Dentre os destinos do Ártico nos quais a Aurora Boreal nos dá o privilégio de vê-la, as Ilhas Faroé, na Dinamarca, impressionam pela beleza entre as falésias gigantes da costa e dos vilarejos da região. São cenários tão surreais e lúdicos que nos lembram inclusive a terra dos Hobbits, de Senhor dos Anéis – sempre digo isso. As Ilhas Faroé são famosas por suas paisagens incomparáveis e pelos puffins, os visitantes mais esperados da região. Eles são os famosos “papagaios do mar”, aves lindíssimas e com uma cara muito simpática!

Tanto por terra quanto por mar, em nossos grupos de caçada à Aurora Boreal nas Ilhas Faroé exploramos os melhores locais desse arquipélago de 18 ilhas e muitas ilhotas. Apesar de pertencer à Dinamarca, o arquipélago das Ilhas Faroé possui moeda e idioma próprios. 

Viajar com o objetivo de Caçar Aurora Boreal nas Ilhas Faroé é uma experiência inesquecível! Embora haja chuva na maioria dos meses, tem uma época em que as nuvens dão uma trégua e a Dama do Norte pinta o céu de colorido. Muitos viajantes decidem embarcar para este destino em busca das Luzes Dançantes por conta própria e acabam se frustrando pois caçar a Aurora Boreal na Dinamarca, como em qualquer lugar do mundo, exige conhecimento e estudo. Por isso, gosto muito de destacar os incansáveis estudos que eu e minha equipe fazemos antes da viagem para que as possibilidades de ver o fenômeno sejam as maiores possíveis.

4. Svalbard

Você pode não conhecer, mas esse é um dos lugares mais bonitos do planeta! A região é o território norueguês mais próximo do Pólo Norte e é um destino que impressiona qualquer um: são geleiras enormes e flutuam sobre o Oceano Ártico de forma majestosa. É a região conhecida como reino dos ursos polares. 

Svalbard nos acolhe muito bem todas as vezes em que vamos até lá para caçar a Aurora Boreal. Diferente do que possa aparecer, a ilha dispõe de ótima estrutura para receber nossos viajantes em expedições emocionantes e ricas em novas descobertas.

É em Svalbard onde encontramos a cidade mais setentrional do planeta, a capital Longyearbyen. Não existe nenhuma outra região mais próxima do Pólo Norte. O frio pode ser intenso e há grandes chances de enfrentarmos uma tempestade de neve. Aliás, “Svalbard” significa “litoral frio”. Seus habitantes são descendentes de mineradores e seus vilarejos compõem a beleza silenciosa dos cenários.

Gostou de conhecer sobre os destinos para ver Aurora Boreal? Então veja a primeira parte dessa lista e confira agora outros locais para ver o fenômeno que, para mim, é o mais lindo da natureza!

Marco Brotto caçador de Aurora Boreal
MARCO BROTTO
Marco Brotto tornou-se conhecido como o caçador brasileiro de Aurora Boreal. Já viu centenas de spots de Aurora Boreal em vários locais do mundo, proporciona experiências incríveis para aqueles que o acompanham e possui um espetacular acervo de fotos de auroras.
POSTS RELACIONADOS
Veja 5 motivos para você ver Aurora Boreal na Islândia
Veja 5 motivos para você ver Aurora Boreal na Islândia
< LEIA MAIS
Experiências e Aurora Boreal na Lapônia: veja o que a viagem reserva
Experiências e Aurora Boreal na Lapônia: veja o que a viagem reserva
< LEIA MAIS
Aurora Boreal, muitas informações incompletas e inverdades
Aurora Boreal, muitas informações incompletas e inverdades
< LEIA MAIS