Home » DepoimentosPage 10

DEPOIMENTOS

Desde que descobri as Northern Lights, não parei mais de caçá-las. Meu sonho se realiza toda vez que vejo um rosto fascinado diante de uma Aurora Boreal. As buscas são muito complexas, por isso me especializei em ajudar as pessoas a encontrarem o fenômeno e realizarem este sonho.

Foi um sonho que ajudou a construir e a realizar e neste momento quero agradecer imensamente por toda dedicação.
Foi um sonho que ajudou a construir e a realizar e neste momento quero agradecer imensamente por toda dedicação.
EXPEDIÇÃO ALASKA setembro 2016
por: Adriana

Foi um grande prazer conhecer o Marco Brotto pessoalmente. Havíamos conversado várias vezes pelo inbox do facebook e a cada papo, meu sonho de Aurora foi ficando enorme!!!!
Foi um sonho que ajudou a construir e a realizar e neste momento quero agradecer imensamente por toda dedicação: na caçada, fotografando, ajudando a todos, nos divertindo!
Fica aqui meu respeito, carinho e admiração pelo Caçador de Auroras e mais ainda pela pessoa Marco Brotto!!!! Beijão

Vanessa Marka
Vanessa Marka
EXPEDIÇÃO FINLÂNDIA agosto 2015
por: Vanessa Marka

Eu estudei na escola sobre Aurora boreal, lembro de pensar que seria maravilhoso ver. Depois a Vida fez eu esquecer. Ai eu ia fazer uma viagem para Romênia em julho do ano passado e ela veio em minha mente. Ia passar 5 dias na Finlândia e fui pesquisar. Ao ler já me apaixonei pelo país e escolhi Rovaniemi pela infraestrutura da cidade, já que iria sozinha e não achei nenhuma excursão que me levaria à caçada da Aurora na data em que eu iria para a Finlândia. E ao começar a planejar tudo, digo que o “acaso” me faz ver a entrevista do Marco Brotto no Jô! Eu sei que ele ajuda todos da forma como me ajudou, e garanto que ganhou uma admiradora enorme! Já surgiu uma grande amizade.

Caçar a Aurora com o Marco Brotto foi uma experiência que eu nunca vou esquecer
Caçar a Aurora com o Marco Brotto foi uma experiência que eu nunca vou esquecer
EXPEDIÇÃO CANADÁ janeiro 2015
por: Anna Kuinsler

Moro no Canadá e já estou caçando a Aurora desde 2013. No ano passado eu tive a sorte de conhecer o querido Marco Brotto (que já era um sonho) e ainda sair a procura da Aurora com ele pelas madrugadas a dentro. O Marco é a pessoa mais humilde que eu já conheci e também com um coração enorme! Nos poucos dias de aventura ele me ensinou TUDO o que eu precisava saber para encontrar o melhor lugar de fotografar a Aurora aqui em Alberta e também como melhorar a qualidade das minhas fotografias. Várias vezes o Marco deixou sua câmera de lado para me dar atenção. Ele me ensinou o que cada aplicativo (sobre a Aurora) significa, com todas as linhas e números, e ainda me mostrou um outro aplicativo onde posso checar o lugar que estará com céu aberto. Ele me mostrou que a vida é uma aventura e que quando corremos atrás, a natureza nos presenteia com a melhor beleza que se pode imaginar! Nada como ver aquelas luzes coloridas dançando no céu! Caçar a Aurora com o Marco Brotto foi uma experiência que eu nunca vou esquecer. Aprendi tanto que não vejo a hora de encontrá-lo mais uma vez!

O Marco é expert no assunto e me senti segura com sua liderança!
O Marco é expert no assunto e me senti segura com sua liderança!
EXPEDIÇÃO ALASKA março 2016
por: Ana Luísa

Quando ouvi falar da Aurora Boreal pela primeira vez estava no colégio. Não me
lembro quantos anos tinha, mas era pequena e sabia que um dia iria viajar para vê-la. Só não tinha ideia de “como”ou “onde”.  Os anos foram passando, e lá estava ela, sempre na minha lista!

Comecei a acompanhar algumas viagens do Marco Brotto pelo facebook e decidi participar de uma viagem em busca das luzes no Alasca.

A viagem foi incrível! A oportunidade de presenciar a Aurora é mágica! As luzes verdes dançando em um lindo céu estrelado é algo de que sempre lembrarei.

O Marco é expert no assunto e me senti segura com sua liderança! O grupo todo era muito animado e todos se deram muito bem, o que fez a viagem ficar ainda melhor!
Alasca & Aurora: jamais esquecerei!

Realmente não sei como te agradecer, obrigada por tudo!!
Realmente não sei como te agradecer, obrigada por tudo!!
EXPEDIÇÃO LAPÔNIA janeiro 2016
por: Luciana Palú

Marco, gostaria de agradecer por toda a dedicação em nos acompanhar e assessorar em nossa caçada pela Aurora!! O dia em que mais a vimos, foi no exato momento que você nos falou para sair da cama e enfrentar os -12 graus de fora! Realmente não sei como te agradecer, obrigada por tudo!! espero que 2016 seja de muitas alegrias e sucesso pra você e sua família! Grande abraço!!

Em um primeiro momento paralisei, depois chorei …
Em um primeiro momento paralisei, depois chorei …
EXPEDIÇÃO LAPÔNIA setembro 2015
por: Greta Nazario Viana

Desde pequena gostava muito de olhar o céu, as estrelas… E ainda criança lembro de ver em um filme, acredito, com imagens da “dama da noite”! Fiquei admirada! Pra quem já adorava uma noite estrelada imagina aquelas luzes pintando o céu!!!! Anos passaram e assisti documentários, li reportagens pra entender aquele belo fenômeno! Mas sempre me pareceu algo quase que impossível de ver, já que é um fenômeno a ser “caçado”, em lugares distantes… E talvez a tarefa mais difícil, encontrar alguém tão louco quanto eu que topasse uma aventura dessas: caçar Aurora Boreal!!! Mas não é que encontrei!!!! Em uma conversa com a amiga Maria Antonia descobrimos o sonho comum!!! Nem acreditávamos até o dia do embarque!! Ver a “dama da noite” dançando foi a coisa mais incrível!!! Em um primeiro momento paralisei, depois chorei e logo chamava Maria Antonia querendo mostrar algo que dançava, nos rodeava e brincava com nossas emoções!!! Verde, lilás… E o frio!!! Nem sentia com aquele céu magnífico não havia espaço para isso!!! Quando me perguntam o que senti, como é uma Aurora Boreal costumo dizer que a sensação é muito particular, indescritível… Mas com certeza muuuito linda e emocionante!!!

Esta viagem, tão bem executada por vocês, mudou a minha vida permanentemente.
Esta viagem, tão bem executada por vocês, mudou a minha vida permanentemente.
EXPEDIÇÃO LAPÔNIA fevereiro 2016
por: Tiago e Camila Nascimento

A melhor expressão que encontro para definir esta viagem é uma em inglês que não tem equivalente direto no português: “blow minding”. Para sempre vou me lembrar daquela madrugada que passamos em Kilpisjärvi, de ver a aurora se exibindo, pomposa e exuberante, como se estivesse dançando somente para nós com o único objetivo de nos alegrar e satisfazer. Para sempre vou me lembrar da dificuldade em dormir às 4:30 da manhã de tão agitado que estava por ter acabado de presenciar tamanho espetáculo criado pelo nosso bondoso Deus, e do tanto que sonhei – literalmente – naquelas poucas horas de sono. Ou seja, esta viagem, tão bem executada por vocês, mudou a minha vida permanentemente. É como um selo que foi estampado no fundo do meu coração. Muito obrigado por nos proporcionar esta tão bela experiência.

…vivenciar momentos incríveis, emocionantes e muito divertidos.
…vivenciar momentos incríveis, emocionantes e muito divertidos.
EXPEDIÇÃO LAPÔNIA fevereiro 2015
por: Cinthia Paranhos

O Marco Brotto?! Dos melhores seres humanos que conheço, excelente parceiro de viagem e um caçador incansável! Quem viaja com ele pode ter a certeza de vivenciar momentos incríveis, emocionantes e muito divertidos. Seja durante o dia, conhecendo os lugares que ele escolhe com muito carinho ou a noite caçando as luzes do norte. Ele faz qualquer viagem se tornar inesquecível!

Minha respiração parou, meu coração parou de bater…
Minha respiração parou, meu coração parou de bater…
EXPEDIÇÃO LAPÔNIA janeiro 2015
por: Rafael

Por mais que eu ficasse por horas aqui tentando escrever e explicar o quão incrível foi essa noite, eu jamais chegaria ao menos perto da realidade. (…) Chegamos, enfim, em um ponto, próximo à borda da Finlândia, e nada de Aurora. Pelo menos o céu havia clareado um pouco. Descemos da van e ficamos por mais de uma hora esperando, esperando…e nada.
Decidimos voltar, e, no caminho, tentar alguns outros pontos, já que o céu havia limpado. Paramos em mais dois pontos….e, novamente, absolutamente nada. Apenas uma lua cheia maravilhosa. Enfim, desistimos. Abandonadas as esperanças, pegamos o caminho de volta para Tromso. (…) E então, no instante em que tirei a foto, a Donzela apareceu, suave, no horizonte. (…) Então, sem aviso algum, ela surgiu em toda sua grandiosidade, dançando acima de nós, mostrando a força do Universo e a beleza da criação de seu Grande Arquiteto. Impossível não chorar, não tremer, não se arrepiar diante de tamanha beleza, de tamanha demonstração de que a Natureza, é sim, perfeita. (…) Sem dúvida, a melhor noite que pude viver até hoje. E foi a primeira. Ainda virão mais 3, nessa mesma semana.

Obrigado a todos aqueles que acompanharam a realização desse sonho, dessa jornada! Obrigado ao mestre Marco Brotto pela torcida e por todas as orientações! Obrigado pai, por ter atendido meu pedido e mandado esse presente pra mim!

Minha respiração parou, meu coração parou de bater, com medo de que o barulho da minha pulsação fizesse com que sua timidez se acentuasse e ela fosse embora, com vergonha.